01 abril, 2010

Música tibetana budista industrial?


Das músicas do mundo (world-music), os cantos dos monges tibetanos estão na primeira linha da minha preferência. Ora, uma coisa que nunca me tinha ocorrido era a possibilidade de relacionar a música dos monges do país do Dalai Lama com... música industrial! Foi o que fez o músico japonês Makoto Kawabata (na imagem), mais conhecido por ter pertencido ao grupo japonês de rock psicadélico/noise Acid Mothers Temple. Esta declaração foi feita, há alguns meses, na revista The Wire, na sempre interessante secção "Invisible Jukebox" (na qual os ouvintes tentam adivinhar e comentar discos que a redacção da revista propõe).
Um dos discos que Makoto ouviu foi um dos monges tibetanos do Mosteiro de Gyuto. O músico japonês explica: "Adoro esta música. A primeira vez que ouvi cantos tibetanos, senti que era música industrial para mim. Eu ouvia alguns discos de rock industrial e de noise, até que um dia ouvi um disco de música tibetana com aquelas vozes graves espantosas, aquele incrível eco natural, os instrumentos de sopro hipnóticos e as percussões avassaladoras. Aquele disco era para mim aquilo que a música industrial deveria soar: negra e misteriosa, uma sensação parecida a perigosos objectos metálicos deitados fora, um ambiente de medo e decadência. Há nos cantos guturais dos budistas uma profunda sensação de estranheza que eu sempre atribui à música industrial."
Apesar de um certo exagero nas comparações, compreendo a intenção de Makoto Kawabata. A música dos monges tibetanos tem a mesma força profunda como a mais poderosa música noise/industrial/drone/whatever. Uma verdadeira força da natureza que varre emocionalmente quem se atreva a ouvir os cânticos tântricos budistas.

8 Comments:

At 1.4.10, Blogger André said...

Compreendo o que o Kawabata que dizer. Afinal de contas, quando ouvimos uma taça tibetana a soar, o que sentimos é uma presença física do som. Mais que uma nota ou algo abstracto, sente-se uma vibração que por sua vez reflecte um espaço.

Basta pensarmos no trabalho de Lustmord, Yen Pox, Exotoendo ou Halo Manash e vemos logo como o som é tratado sob um prisma espacial (o termo aqui é para ser entendido com uma conotação de presença física e não relacionado com Espaço/Cosmos/Universo/whatever).
O Industrial e o Ambient vivem muito deste factor fisico, assim como o Drone.

Aliás, já tive a oportunidade de trabalhar com taças tibetanas e só vos digo... aquela porra enche o espectro sonoro de tal maneira que consegue abafar tudo. É lixado, logo, Industrial! \m/

 
At 2.4.10, Blogger Tiago Esteves said...

Recomendam alguns discos de música tibetana, com cantos de monges? Curtia de conhecer algumas coisas. Até porque devo ir lá em Agosto :D

 
At 2.4.10, Blogger ::Andre:: said...

Eu também compreendo André, já tive algumas experiências com taças e gongos tibetanos inclusive uma espécie de sessão terapêutica individual e a relação com o som é literalmente física. Mas sim, recomendem discos de cantos pois também não tenho.

 
At 2.4.10, Blogger O Homem Que Sabia Demasiado said...

Tiago: percebi bem? Vais em Agosto ao Tibete?! Uau!

Quanto a discos recomendados, facilmente encontras na Fnac vários discos dos monges budistas tibetanos, com especial destaque para os Gyuto Monks. Eu tenho dois discos destes monges que comprei precisamente na Fnac,

Ou então procurem na net ;)

 
At 2.4.10, Blogger André said...

Eh pa, agora não estou no meu computador, mas tenho lá dois que são mesmo do mafarrico! Esperem umas horas e já vos faço as recomendações.

Entretanto, se quiserem um bom disco de musica ambiental / ritualista onde por vezes usam taças, procurem o material de Exotoendo.

 
At 3.4.10, Blogger André said...

Ora os que tenho são:

http://www.amazon.com/exec/obidos/tg/detail/-/B00000IXHK/qid=1074909427/sr=1-1/ref=sr_1_1/104-5802422-5890313?v=glance&s=music#product-details/buddhistlinks-20

e este

http://www.discord.co.uk/Sacred-Ceremonies-2-Dip-Tse-Chok-Ling-Monastery/17079-2/

O segundo é brutal.

 
At 3.4.10, Blogger André said...

Ora os que tenho são:

http://www.amazon.com/exec/obidos/tg/detail/-/B00000IXHK/qid=1074909427/sr=1-1/ref=sr_1_1/104-5802422-5890313?v=glance&s=music#product-details/buddhistlinks-20

e este

http://www.discord.co.uk/Sacred-Ceremonies-2-Dip-Tse-Chok-Ling-Monastery/17079-2/

O segundo é brutal.

 
At 5.4.10, Blogger Tiago Esteves said...

Vou andar o mês td de Agosto pela China :D Está a ser dificil, por causa do visto e tal, mas quero ir uns dias ao Tibete :D

Obg plas recomendações. Vou checkar :D

 

Enviar um comentário

<< Home