01 abril, 2010

Stephen King e as adaptações ao cinema


Se há um nome incontornável da literatura moderna de terror esse nome só pode ser Stephen King. Herdeiro da tradição literária dos contos góticos e fantásticos de Edgar Allan Poe e Lovecraft, King desenvolveu um extraordinário talento para contar histórias de notável suspense e horror, sobrenaturais ou não. E não esqueçamos que King se revelou, não apenas como escritor do género de terror, como também ao nível da ficção que nada tem a ver com o medo. São os casos dos livros "Stand by Me" e "Shawshank Redemption".
Por outro lado, se há escritor cujas obras foram, bastas vezes, adaptadas ao cinema (e à televisão), Stephen King também lidera a lista. Foram, literalmente, dezenas e dezenas de filmes com base em contos, novelas e romances do mestre do terror fantástico. Muitas adaptações são sofríveis porque apenas exploraram o filão comercial do nome do escritor sem quaisquer resultados em termos artísticos. Mas muitos outros realizadores conseguiram transpor para o grande ecrã as histórias de King com grande mestria. E há até realizadores que, praticamente, só fazem filmes com base em histórias de King (como Frank Darabont). De todos os filmes que conheço baseados na obra de Stephen King, eis os meus 12 filmes favoritos:
12 - "A Janela Secreta" (2004) de David Koepp
11 - "Pet Sematary" (1989) de Mary Lambert
10 - "1408" (2007) de Mikael Håfström"
9 - "Christine" (1983) de John Carpenter
8 - "Carrie" (1976) de Brian De Palma
7 - "The Green Mile" (1999) de Frank Darabont
6 - "The Mist" (2007) de Frank Darabont
E o magnífico top 5:
5 - "Misery" (1990) de Bob Reiner
E o magnífico top 5:
5 - "Misery" (1990) de Bob Reiner

4 - "The Dead Zone" (1983) de David Cronenberg

3 - "Stand by Me" (1986) de Bob Reiner

2 - "Os Condenados de Shawshank" (1994) de Frank Darabont

1 - "The Shining" (1980) de Stanley Kubrick

9 Comments:

At 1.4.10, Blogger Scapegoatt said...

"Os Condenados de Shawshank"...como eu adoro este filme. Já perdi a conta do numero de vezes que o vi. Comove-me sempre. O verdadeiro grito pela liberdade.

 
At 2.4.10, Blogger Valter said...

Shining e os Condenados de Shawshank, dos meus filmes favoritos, por acaso esse Dead zona é baseado naquele livro que involve a tal cena na pista de gelo?

 
At 2.4.10, Blogger Vertigo Store said...

Olha.. vi-os todos menos o Green Mile mas se fosse eu a fazer lista acho que era praticamente igual :)

jm

 
At 2.4.10, Blogger apf said...

eu gosto do stephen digam o que disserem :) o the mouth of madness do carpenter tem nitidamente a linguagem stephen king.

 
At 2.4.10, Blogger ::Andre:: said...

É surpreendente a quantidade de filmes baseados nos seus livros, mas mais surpreendente é a imaginação do King. Confesso que não sabia que o Shining era dele...

 
At 2.4.10, Blogger O Homem Que Sabia Demasiado said...

Por incrível que pareça, Stephen King não gostou da adaptação do "Shining" de Kubrick. Preferiu uma adaptação medíocre feita uns anos mais tarde por um realizador que nunca ficará na história. Enfim...

 
At 2.4.10, Blogger RA said...

isso é porque o "shining" do kubrik não é 100% fiel ao romance, trata-se de uma visão parcelar da história (e muitíssimo bem conseguida, na minha opinião).
recomendo a leitura do "shining" tal como de it, the stand, bag of bones, duma key, the green mile ou da saga the dark tower. creio que o Stephen King é o grande contador de histórias da nossa era.

 
At 2.4.10, Blogger O Homem Que Sabia Demasiado said...

Sim, um dos argumento de King para não ter gostado do filme de Kubrick foi o de que o cineasta não seguiu à risca o livro. E depois? Não é inspirado nele? Qual é a regra que obriga o realizador a adaptar à letra um livro? O filme é genial, e isso devia ser motivo de crítica positiva.

 
At 5.4.10, Blogger ::Andre:: said...

Talvez tivesse sido um comentário egocêntrico, nada de anormal neste meio.

 

Enviar um comentário

<< Home