10 maio, 2011

A melhor banda de sempre



Poderia ter posto aqui outra coisa qualquer. Uma Careful with that axe, Eugene ou uma Echoes do Live at Pompeii. Ou mesmo uma Astronomy Domine ou uma Sheep. Mas acho que este pequeno set de 2005, na reunião com os 4 fantásticos para o live8 em Londres, mostra porque esta banda nunca terá igual e que será para sempre uma influência para muito daquilo que muita gente que passa por este blogue ouve, do psicadélico ao progressivo, do rock ao post-metal... (Quem não viu nos OM em Janeiro muito do Ummagumma ou do Meddle?) Ver estes cotas interpretar estes 4 temas com tamanha perfeição passados tantos anos faz-me arrepiar todos os pelos do corpo e ficar sempre com a sensação de que se há um Olimpo de músicos, eles estão definitivamente lá.

Encontrei este documentário no youtube, acerca do álbum Meddle, um dos meus preferidos deles.

18 Comments:

At 10.5.11, Blogger Arienette said...

Este comentário foi removido pelo autor.

 
At 10.5.11, Blogger Tiago said...

Melhor banda de sempre, capaz de ser verdade.

o Live 8 foi o momento que pessoal da nossa geração pode ver os 4 reúnidos e chorar umas lágrimas. ainda que na tv. os maiores!

lembro-me de poucas bandas que é impossível imitar, os Floyd são tão únicos e influenciaram meio mundo.

 
At 10.5.11, Blogger quietdropsedit said...

lembro-me bem de ver esse momento na tv e de ter soltado umas quantas gotas de emoção e ninguém perceber porquê. felizmente tivemos a oportunidade de os ver todos juntos em acção. um dos melhores momentos musicais de todo o sempre, indescritível

 
At 10.5.11, Blogger Susana Quartin said...

É bem verdade :). Nunca vi esse documentário, vou guardar aqui para o fim de semana. Obrigada!

Tive bem recentemente o Roger Waters a pegar no baixo a menos de 5 metros de mim, e foi um momento grandioso. Embora o The Wall musicalmente não me diga tanto quanto o resto da discografia até ao Animals, todo o concerto foi um espectáculo fantástico.

Curioso referires OM, já me aconteceu descrevê-los como "imagina uma banda que se desenvolveu a partir da Set the Controls..." :).

 
At 10.5.11, Blogger quietdropsedit said...

mesmo o album the wall não sendo tão rico a nível de experimentalismos, coisa que tinham feito a rodos até à data, é um album conceptualmente brutal na imagem e na mensagem político-social que transmite

 
At 10.5.11, Blogger BrainStorm said...

partilho da mesma opinião que tu, Meddle o meu favorito!!! parabéns pela publicação e gracias pois não conhecia... mas há bandas, não mainstream da altura, muito boas também! Cheerioooo

 
At 10.5.11, Blogger Scometa said...

Há pois. Bela altura para se viver, é o que digo. Era basicamente tudo novo, tudo o que veio dos 60's /70's influenciou toda a musica que ouvimos e que se faz hoje.

 
At 10.5.11, Blogger BrainStorm said...

a maior influência é o BLUES, sem ele nada disto existiria... ; )

 
At 10.5.11, Blogger Ocelot said...

Sem dúvida uma das melhores bandas de sempre. Tenho uma pena profunda por não ter vivido nesta época de 70 e de não puder ver bandas como Led Zepellin, Pink Floyd ou Frank Zappa.
Sobre os álbuns de Pink Floyd, não sei qual é o meu favorito mas é entre um destes: Dark Side of the Moon, Meddle ou o Piper at the Gates of Dawn (Principal influência de um dos meus álbuns favoritos de sempre: De-loused in the Comatorium dos Mars Volta) quando o Syd Barret era o compositor principal da banda.

 
At 10.5.11, Blogger Scometa said...

Acho que o jazz, e o free jazz dos 60's têm uma maior influência no psicadelismo e no prog do que o blues. Mas sim, essas bandas dos 60's e 70's vão buscar as suas maiores influências a esses dois géneros

 
At 10.5.11, Blogger Luis said...

dinossauros na decadência...

 
At 10.5.11, Blogger Scometa said...

LOL

 
At 10.5.11, Blogger Sergio said...

Simplesmente geniais. Especialmente na forma como fazem com que a junção de muitos elementos simples se transforme numa sonoridade extremamente rica. Adoro a beleza/pureza do som do David Gilmour. Meddle, Animals, Dark Side of the Moon e Wish You Were Here são os meus álbuns favoritos.

 
At 10.5.11, Blogger Ocelot said...

Este comentário foi removido pelo autor.

 
At 10.5.11, Blogger Ocelot said...

Epah, que distraído que sou. Como é possível eu nunca ter ouvido o Ummagumma?! Após ter ido ouvir 2 ou 3 músicas desse album, é que percebi a tal comparação dos Om.

Estes são os albuns que conheço bem dos PF:

The Piper At The Gates Of Dawn
Meddle
The Dark Side Of The Moon
Wish You Are Here
Animals
The Wall

E o A Saucerful Of Secrets ainda não conheço muito bem.

 
At 11.5.11, Blogger João Veiga said...

esse concerto foi arrepiante... e só o pude ver pela TV :(

o Meddle é sem dúvida dos meus favoritos, embora o GRANDE seja mesmo o Dark Side of the Moon :P


Por falar nisso........ vão reeditar todos os álbuns deles com umas edições bem bonitas:

http://www.brain-damage.co.uk/latest/get-immersed-in-pink-floyds-back-catalogue-with-outtakes-rarities-and.html

vai na volta e lançam estas coisas para o pessoal se desgraçar todo... Grande Storm Thorgerson :) também um elemento importantíssimo

also: não vos faz confusão ver o Pulse e olhar para a data de gravação...? Muito falam dos Muse e U2 e o caraças e os estádios, mas porra... Aquele palco e aquela qualidade ainda hoje estão muito à frente

 
At 11.5.11, Blogger Neuroticon said...

Não gostando de entrar em absolutismos, sou forçado a concordar que os Floyd são das melhores de sempre, talvez só ultrapassados pelos Beatles na importância que tiveram na música que se faz ainda hoje.

Quanto a discos preferidos, no meu caso é Dark Side Of The Moon, Wish You Were Here, Meddle, Animals e The Piper At The Gates Of Dawn. E não me venham com o Gilmour, que o grande génio da banda é e sempre será o Waters.

Eduardo, a Careful With That Axe, Eugene versão Live At Pompeii é das coisas que mais mexe comigo.
Além disso, acho que é o meu dvd preferido, ever.
E essa foi uma bela época para se viver, sem dúvida! Parecia que as bandas e os músicos arriscavam muito mais...
Obrigado por esse documentário, vou já devora-lo!
Vejam também o making-of do Dark Side Of The Moon e apaixonem-se por essa obra-prima da música ;)

João, além do Storm também o Sleazy (<3 que tivemos por cá há não muito tempo) colaborou em alguns artworks para a banda! Equipa de génios...

 
At 12.5.11, Blogger Scometa said...

Hásempre grande discussão sobre quem realmente foi mais importante na banda, que acaba sempre entee Barret-Waters-Gilmour. Mas eu acho que foram mesmo todos extremamente importantes. A Echoes, a melhor música jamais feita por seres humanos, como seria sem os teclados e backing vocals do Wright? Ou a imensa influência que a técnica e sonoridade da bateria do Mason exerceu sobre bateristas vindouros, para além de ser o gajo com mais coolness da banda, com aquele bigode, suiças e cabelo a ditar uma trend que ainda deixa muita miuda histérica? :D

Lembro-me sempre de quando comecei a sair á noite lá na terrinha, estavamos em '96 e a marca Indie começava a ganhar toda a força em Portugal, e então os Pink Floyd eram o ódio de estimação de todos aqueles que se deliciavam com Pixies, Radiohead, Pavement e por ai fora. Nca percebi porquê na altura, porque desde os meus 10/11 que ouvia Pink Floyd e me agarrava á vassoura a imitar o gilmour no live at pompeii, num vhs a preto e branco. Só depois descobri que ser indie era rejeitar tudo o que fosse considerado mainstream, que era mais importante até que a música em si.

 

Enviar um comentário

<< Home