23 julho, 2010

Compre um e leve um

Alguns já devem ter reparado que tenho tendência a separar canções de temas. Ou seja, para mim, os Joy Division compunham canções e os Neurosis escrevem temas. Já agora, um Dumitrescu peças.

Hoje, por aqui, ainda só rodou o cacofónico Flood dos Boris, álbum de 2000 que consiste em apenas um tema. Apesar de dividido em quatro partes, tanto este como muitos outros desde que os Sleep reinventaram o seu conceito, são para ser ouvidos e apreciados como um todo o que me leva a crer que neste caso a separação tenha tido origem comercial podendo afectar a opinião final.

De qualquer maneira, tirando o Dopesmoker e assim de repente o brilhante Thaumogenesis dos Nadja, relembrem-me outros (bons) exemplos de discos com um só tema.

9 Comments:

At 23.7.10, Blogger patricia said...

O genial "Delìrium Còrdia" de Fantômas.

 
At 23.7.10, Blogger Scapegoatt said...

Corrupted - "El Mundo Frio"

 
At 23.7.10, Blogger Neuroticon said...

O GRANDE Light Of Day, Day Of Darkness dos Green Carnation!

Meshuggah - I
Meshuggah - Catch 33
O Tubular Bells também...

 
At 23.7.10, Blogger Sr. Cardoso said...

Music for 18 musicians - Reich
Leng T'che - Naked City

 
At 24.7.10, Blogger durtal said...

Nurse With Wound - "Salt Marie Celeste".
O som de (muito) depois do naufrágio.

 
At 24.7.10, Blogger Susana Quartin said...

Sem repetir álbuns já referidos...

Mike Oldfield - Amarok
Boris - Absolutego

 
At 25.7.10, Blogger João Veiga said...

Porcupine Tree - The Incident

embora esteja dividido em muitas partes, tê-lo visto e ouvido todo de seguida foi inesquecível :|

 
At 26.7.10, Blogger apf said...

terria Devin Townsend, tem divisão mas é como não tivesse. cheguei agora do milhões e Za! foi do caraças!

 
At 1.8.10, Blogger amebix said...

Crass-Yes Sir,I will(1983)

 

Enviar um comentário

<< Home